14 de julho de 2014

Meus escritos,
Ultimamente contidos,
Estão debilmente diminuídos
Pois salário de poeta é amar
E hoje, confesso
Ganhei na loteria.

5 comentários:

  1. Li uma entrevista com Ernest Hemingway em que ele diz que a melhor escrita é aquela em que o autor está apaixonado - ele não especificou pelo quê. Eu concordo com isso. Pelo menos os meus melhores momentos - não que eu saiba exatamente entre as coisas que eu faço o que é bom e o que é ruim - saíram em "períodos apaixonados". Tanto que eu abuso às vezes da imagem da musa, justamente por causa disso. Aproveite esse período e escreva, são raras as chances que se tem de amar nessa vida. E lá vou eu divagando de novo com o risco de estar falando algo que não tenha nada a ver. Mas você já deve estar acostumada com esses meus comentários.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo também mas o fato é que eu não consigo escrever quando estou apaixonada (ai que droga!) por isso minhas poesias diminuiram. Mas certamente estarei eu poetizando já que esse é mais uma das minhas platonicidades, enfim. Incrivelmente seus comentarios tem um pouco haver sim, mas essa é a parte indireta da minha poesia.

      Excluir
    2. Ganhei na loteria no sentido nao precisar de salário e não precisar trabalhar de ser poeta, aliás.

      Excluir
    3. Entendo desses casos platônicos, comecei a escrever por causa de um desses...que ainda me revisita mesmo depois de tanto tempo. Você supera. Dependendo de quão fundo você for na tal platonicidade, talvez não encontre alguém que substitua, mas encontrará os que vão te distrair. O que é bom o bastante por um tempo.

      Entendi errado então a parte da loteria. Entendi meio que o contrário: se o salário é amar e você ganhou na loteria, está amando demais. Faz sentido também. No fim, a poesia acaba tendo que abdicar do seu sentido original.

      Excluir
  2. Adorei o poema... haha como sempre. E pegando a deixa do Raphael, vou com você, Rafaela. Não consigo escrever quando apaixonada. Quero dizer, meu namoro já faz 3 anos e 10 meses, mas são raros os poemas que fiz pra ele, do tipo, pra ele falando de amor, acho que essa é uma das razões de eu valorizar tanto meus poemas de amor. O último ficou bem no meu estilo e eu gostei rs Mas você tem feito poemas pequenos que dizem muita coisa. Não deixo de acompanhar você sabe rs Enfim, é isso.

    ResponderExcluir

Thash box